10 trilhas para você admirar o Rio com outra perspectiva!

Eu sou uma amante da natureza, sempre que tenho possibilidade faço uma trilha ou tento ir para perto da natureza. Se você é uma dessas pessoas, com certeza esse post é para você.

Quando decidimos ir ao Rio de Janeiro nós já pensamos nas belíssimas praias para ir, nos pontos turísticos que temos que visitar e restaurantes a apreciar. Então venho comunicar a vocês que também precisam analisar e escolher pelo menos uma trilha para fazer. Se conseguirem coloque mais de uma em seu roteiro. É uma programação diferente, que faz bem ao corpo e mente de todos. Você irá sair um pouco do tumulto da cidade e irá se conectar com uma natureza verde, linda e preservada. Em alguns lugares poderá até apreciar maravilhosas cachoeiras.

Se você então está buscando quais trilhas fazer pela capital carioca para ter um momento singular em sua viagem e também que te dará ótimas vistas da cidade maravilhosa, facilitarei para vocês. Vou listar abaixo 10 trilhas a serem feitas e independente de qual você vá, tente utilizar tênis, repelente, protetor solar e leve uma mochila de ataque com água e itens que te auxiliarão no caminho.

 

1. Pedra Bonita

Localizada no Parque Nacional da Floresta da Tijuca está a Pedra Bonita. A trilha é ingrime, mas não há desníveis difíceis a serem percorridos. Seu solo é todo traçado em terra, sem muitas pedras soltas. O percurso até o topo normalmente é feito em aproximadamente meia hora. Isso partindo do começo da trilha. Indico irem até o local de carro, pois se começarem a mesma desde a Estrada Canoas (estrada que dá acesso) levará mais de horas. Do alto você terá uma vista fabulosa do Rio, conseguindo ver desde a zona sul até a zona oeste. Da Pedra Bonita é possível também saltar de Asa Delta, caso tenham interesse, esse é um ótimo ponto para a prática.

 

2. Pedra da Gávea

Essa trilha é uma das mais realizadas pelos cariocas, mas se você não tem um bom preparo físico não indico fazê-la. A trilha é considerada difícil e é recomendado estar com alguém experiente nesse percurso ou até mesmo um guia. Há um ponto mais crítico no percurso, esse é chamado de carrasqueira. Um paredão reto com muitas pedras, no qual necessita de atenção para subir. Nesse momento é preciso fazer uma escalada. A duração do percurso até o topo é de aproximadamente 3 horas e do alto você verá grande parte da orla e da cidade do Rio.

 

3. Pedra do Telégrafo

.

Com certeza você já deve ter visto uma foto tirada nesse lugar, já que nela há uma pedra concorridíssima que parece que o turista está pendurado nela. A trilha tem 354 metros e tem duração média de 40 minutos até o topo. Ela é considerada fácil, mas há algumas partes ingrimes. Uma dica que vale a pena ressaltar é evitarem os finais de semana, pois como disse antes muitos querem a foto no topo da trilha e já ouvi relatos de pessoa que ficaram mais de 2 horas na fila esperando para tirarem a sua fotografia. Se você estiver com paciência, boa sorte, se não vá durante a semana.

 

4. Costão de Itacoatiara

Essa trilha na verdade não fica no Rio de Janeiro e sim em Niterói, mas não tinha como não colocá-la nessa lista, pois é maravilhosa. Ela é considerada de dificuldade moderada e é possível subi-la em aproximadamente meia hora. Você irá percorrer um caminho e subir uma pedra de 217 metros que te dará uma vista diferenciada, sendo possível ver a cidade do Rio de Janeiro e Niterói. Se vale a minha opinião, tentem fazê-la no pôr do sol, é realmente lindo!

 

5. Trilha do Mirante do Caeté

O mirante do Caeté fica um pouco distante do agito do Rio. Ele fica nas proximidades da Prainha, Grumari, Recreio e Macumba. Para acessá-lo você precisa entrar o parque e percorrer um percurso de 2,5 km que considero tranquilo de ser feito. Com um pouco mais de uma hora você consegue fazer toda a trilha. E o visual do mirante é realmente incrível, pois verá essa belíssimas praias da cidade.

 

6. Pico da Tijuca Mirim

O Pico da Tijuca Mirim tem 917 metros de altura. Sua trilha é considerada leve, mas leva em torno de uma hora para ser realizada. Em seu caminho há sinalização, mas é recomendado sempre dar uma perguntadinha quando estiverem chegando e também buscar informações com outros que estão realizando a trilha. Do topo é possível ter uma bela vista da Tijuca, do Centro e da famosa ponte Rio-Niterói. Sem contar que é possível admirar vários pontos turísticos de lá de cima.

 

7. Trilha do Pico da Pedra Branca

O Pico da Pedra Branca é o pico mais alto da cidade e possui 1.024 metros de altura. São 11 km de subida, que normalmente são percorridos em 3 horas e meia. Pelo caminho você verá uma grande área verde com fauna e flora em abundância. Por mais que a trilha seja longa, ela não é difícil, na verdade é bem tranquila. Sem contar que é uma experiência incrível de poder adentrar a maior floresta dentro de uma área urbana. A trilha fica dentro do Parque Estadual da Pedra Branca que tem uma área de 12.000 hectares.

 

8. Trilha da Pedra da Urca

Todos estão acostumados a subir o Morro da Urca com o bondinho, porque acredito que é a forma mais fácil. Mas sabia que é possível fazer uma trilha até o topo? Você começa pela Praia Vermelha e sobe torno de meia hora. Uma trilha bem tranquila de ser feita e com um visual incrível. Sem contar que verá os bondinhos passarem bem pertinho de vocês.

 

9. Cachoeira do Horto

Definitivamente essa é a menor trilha que irei apresentar a vocês. Em aproximadamente 20 minutos você passa por partes ingrimes e muitas pedras em um trecho de 150 metros. As pedras são escorregadias, então cuidado e vá com muita atenção. O percurso é um pouco cansativo, mas no final é recompensador ver a cachoeira e o pequeno poço formado por ela para você se refrescar.

 

10. Praia do Perigoso

Acredito que essa será a única trilha que vou apresentar que não te levará a metros acima do mar e sim até uma praia que tem acesso através de uma trilha ou de barco. Essa trilha passa por dentro de vegetação de Mata Atlântica que leva aproximadamente 40 minutos de caminhada. Não ache que por seu acesso não ser tão fácil como de outras praias que ela estará deserta. Em algumas épocas do ano sim, mas em alta temporada ela costuma ser requisitada. Ela é um paraíso de areia branca e águas claras no meio do Rio que vale a pena ser conhecida.

 

Salve esse post no Pinterest!

Comments

comments

Deixe um comentário