Almécegas I

Se está pensando em ir à Chapada dos Veadeiros, esta com certeza é a cachoeira que não pode faltar em seu roteiro. Ela é grandiosa e exuberante. Um local delicioso para tomar um banho de rio.

A sua localização é bem fácil, fica na Fazenda São Bento que está a 7km de Alto Paraíso de Goiás, pela rodovia que liga a cidade de São Jorge. Dentro desta fazenda é possível acessar três cachoeiras, a Almécegas I, a Almécegas II e a São Bento e o preço para conhecê-las é R$ 30,00.

Em um dia é possível você ir nas três, mas eu aconselho em ir primeiro na Almécegas I, assim como eu fiz. Isso porque sua trilha é a mais longa, portanto mais cansativa que as demais. E na minha opinião prefiro deixar o mais fácil para o fim, para quando já estiver cansada do dia não ter que envolver muito esforço físico.

A trilha não é difícil, ela é considerada leve. Possui aproximadamente 1km de percurso, porém não imaginem uma reta e sim subidas e descidas. Os desníveis são grandes, porém nada que não consigam fazer sozinhos. E para dar aquela forcinha, lembrem que a recompensa em poder mergulhar em suas águas é gratificante.

Para percorrer a trilha NÃO é preciso de guia, ela é totalmente sinalizada e você consegue chegar até a cachoeira sem ajuda de um profissional. Se você contratou um, não precisa começar a reclamar consigo mesmo. Absorva as informações locais que ele pode te dar e pergunte sobre a flora do local que é linda.

Quando vocês chegarem em um ponto alto da trilha, ela se divide em duas. À sua esquerda estará uma placa escrito PISCINAS e à sua direita estará escrito CACHOEIRA. Eu fui primeiro até as piscinas e adorei fazer isso, porém a decisão fica a seu critério. Eu queria aproveitar mais a cachoeira em si, queria ficar o máximo de tempo possível nela. Não queria ter que sair dela para depois ir correndo ver as piscinas.

Mas Fernanda, o que são essas piscinas? São piscinas naturais que se constroem naturalmente antes da queda da cachoeira. Ou seja, antes da cachoeira se formar, ela forma algumas partes para nado e além de bonitas, são deliciosas. Uma coisa que gostei muito de poder ir nas piscinas é que você consegue chegar bem na pontinha da cachoeira e assistir ela caindo à seus pés.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

No outro rumo, sentido a  cachoeira, a trilha ainda continua. Nesse momento não falta muito, mas é uma parte bem ingrime. No caminho você encontra dois mirantes para tirarem fotos e apreciar a beleza da cachoeira Almécegas I. Já falei e falo novamente, eu achei ela MARAVILHOSA.

Quando chega na cachoeira é possível deixar suas coisas ao lado e dar um mergulho nela. Eu fui no carnaval e tinha um salva-vidas no local. Acredito que não tenha durante todas as épocas do ano, porém como estava com bastante movimento ele estava lá. Achei bom, porque transmitia um pouco mais de segurança. Ele dizia onde podíamos pular e onde não, isso devido pedras no fundo do rio. A água dela não é aquela água cristalina que você irá ver com facilidade o chão. Antes que pensem e longe disso, ela não é nenhum pouco suja.

Agora já vou deixar vocês preparados, mas NUNCA em toda minha vida havia entrado em uma água tão gelada quanto aquela. Sem brincadeiras, sabe quando você coloca o pé na água para sentir a temperatura, nesse momento até meu cérebro congelou. Aí, você olha para frente e vê aquela maravilha da natureza, você já esquece o frio e quando percebe está lá em baixo de sua queda d’àgua.

Eu fiquei na Almécegas I por aproximadamente duas horas. A volta da trilha achei mais tranquila, porque estava refrescada com a água, então não senti tanto calor quanto na ida. E no fim da trilha estava mais do que feliz, porque tinha amado conhecê-la e ainda tinha mais duas cachoeiras para conhecer na Fazenda São Bento.

        

 

Salve esse post no Pinterest!

 

Comments

comments

Deixe um comentário