Cachoeira da Filó

A maioria das pessoas que vão para Capitólio coloca em seu roteiro o Paraíso Perdido e a Trilha do Sol, mas não pensem que na região só tem esses dois lugares não. Na região há outras cachoeiras belíssimas e que valem à pena ser exploradas, como a Cachoeira da Filó.

Já vou começar falando a melhor parte: não paga para entrar! Isso mesmo, todos podem acessar a cachoeira. Só que aí vem o lado ruim: se forem em final de semana, encontrará ela bem cheia de pessoas. Dica é ir cedo e evitar um pouco dessa galera ou em dias de semana.

A Cachoeira da Filó é ampla e bonita. Ao seu redor muita área verde com grande flora. A piscina natural formada por ela, confesso que não é das mais claras quando se vê, isso devido as pedras escuras do chão e a mata ao redor. Porque quando você pega a água na mão, vê como ela é cristalina. Para aqueles que querem saber se a água é gelada, saibam que ela é congelante, mas purificante!

Em algumas áreas você verá bastante peixinhos, normalmente um pouco longe da aglomeração de pessoas. Se você não sabe nadar, indico ficarem na margem, porque ao ir adentrando ela se torna muito funda. Tanto que perto mesmo da queda d’água ela não da pé, então só vá até lá se saber realmente nadar.

Outra coisa bem legal que é possível de fazer lá é subir até o topo da cachoeira, antes de cair a queda. Há uma trilha que te leva ao local, eu não indico irem com crianças, porque parte desse percurso é MUITO ingrime. Sendo necessário quase escalar, então todo cuidado é pouco. Lá de cima, você tem a visão total da queda d’água e da piscina natural formada por ela. Ou seja, a vista é maravilhosa.

 

Como chegar

Essa cachoeira não está situada precisamente na cidade de Capitólio e está em São João Batista da Glória que fica próximo. Do centro de Capitólio até ela são 38km para percorrer, ou seja, a melhor opção para chegar até ela é de carro. Ela está a 4km da Usina Hidrelétrica de Furnas, então para aqueles que quiserem casar o passeio é uma boa sugestão.

Para chegar nela é fácil, vocês devem pegar a MG-050 e parar perto do km 300. Na rodovia você verá placas sinalizando o local de acesso a mesma, aí é só estacionar e começar a trilha. A trilha não é difícil, mas ela é bem ingrime. Então atenção na hora de descer para não escorregarem. Em menos de 10 minutos você chegará na cachoeira, porque o trajeto é curto.

 

Dicas importantes!

* Não há nenhuma estrutura de venda lá embaixo na cachoeira. Antes de fazer a trilha, na rodovia ficam vários vendedores vendendo comidas e bebidas. Caso não levou e pretende ficar um tempinho lá, compre com eles.

* Não é indicado tomar água da cachoeira, pois ela não é tratada. Possibilidade de uma virose e diarreia é grande. Essa dica vale para mim, porque bebo em todas. hahahaha

* Seja um cidadão consciente e não deixe seu lixo no local, traga seu lixo de volta. Então leve uma sacolinha e recolha sua sujeira.

* Se estiver chovendo na região, não necessariamente no local, mas lá também, evite ir até essa cachoeira. Os riscos de deslizamentos da trilha são grandes e há a possibilidade de acontecer um evento natural muito perigoso, chamado Tromba d’água. Nesse as águas sobem rapidamente e você pode não conseguir sair a tempo. Lembrem-se que com a natureza não se brinca!

* Levar protetor solar todos sabem que precisam levar, mas uma dica é levar repelente. Principalmente se for no final da tarde, os pernilongos não perdoam.

 

 Salve esse post no Pinterest!

Comments

comments

Deixe um comentário