Erros para evitar quando fizer o câmbio

Quando decidimos viajar para fora do país, surgem várias dúvidas sobre a moeda do destino onde se vai. Sei que há diversas “pegadinhas” que deixam todo viajante com aflição. Dessa maneira vou dar alguns conselhos de erros que podem ser evitados ao fazer o câmbio.

 

1º Erro – Não planejar a viagem

Planejar a sua viagem é algo que te fará com certeza a ter economia. Se você já definir os valores que irão gastar em seu destino, você já sabe quanto será necessário trocar. Então vale a pena listar os preços de atrações, transporte, guias, passeios, valor médio de alimentação, hotéis, antes de embarcarem. Com isso você evita que falte dinheiro e também que sobre. Claro que é importante trocar um pouco a mais, pois imprevistos acontecem e talvez você precise de mais. Então tire esse valor extra caso isso venha a acontecer.

 

2º Erro – Trocar dinheiro de uma vez só e/ou de última hora

Muitas pessoas trocam seu dinheiro um dia antes de viajar, assim podendo pagar um pouco mais caro, pois terá que pegar a cotação do dia. Se você começar a cotar antes, pode ir trocando seu dinheiro e pegar uma cotação melhor. Outra dica é não trocarem tudo de uma vez, se hoje você ver por um valor que ache que compense, troque um pouco. Talvez amanhã esteja mais caro, mas talvez daqui duas semanas você encontre por um valor que compense mais ainda. Dessa forma você fará a tática do preço médio para seu controle, em que faz a média do valor gasto. Exemplo: se comprou 100 euros por R$ 4,30 e outros 100 euros por R$ 4,10, você considera 200 euros por R$ 4,20.

 

3º Erro – Comprar moedas exóticas no Brasil

Se vai viajar para um destino que utiliza moeda exótica, NÃO troque no Brasil. Indico levarem em dólares ou euros, mas não trocar aqui. Com certeza fazer essa troca aqui não compensa, pois elas são difíceis de serem encontradas, aumentando o preço no momento de sua compra aqui. Todavia é importante ressaltar para não levar real, pois muitos países pagaram pouco nele, então o dólar e euro são os mais recomendados. Exemplos de moedas exóticas: Dirham Emiratos Árabes Unidos, Rand Sul Africano, Dólar Hong Kong, Libra Egípcia, Dólar Singapura, Rublo Russo e etc.

 

4º Erro – Confiar em desconhecidos

No momento que estamos orçando o câmbio, quase sempre aparece alguém falando que conhece alguém que tem o valor para trocar contigo. É o famoso, amigo do tio do vizinho da irmã da namorada do meu primo. Ou outras coisas do tipo. Pode ser que você se dê bem nesse tipo de troca, mas pode ser que se dê muito MAL. Quer pagar pra ver? E vale ressaltar que é ILEGAL fazer câmbio de moeda fora do sistema do Banco Central. É sempre bom registrar a operação com uma instituição confiável. Ao fazer a troca em uma casa de câmbio, você evita de adquirir notas falsas e notas antigas que não são mais aceitas no país de destino.

 

5º Erro – Levar apenas um meio de pagamento

Muitas pessoas viajam apenas com dinheiro, outras apenas com um cartão. Eu considero isso loucura, já que se perder o cartão estará na rua da amargura. E se levar só dinheiro e acabar, não terá de onde sacar. Também é importante saber como funcionam as taxas cobradas em compras no exterior, caso for usar o cartão, pois o IOF não sai barato não. Então tente levar um pouco em dinheiro e em cartão, eu levo até dois cartões porque se um não passa por algum motivo, tenho o outro de garantia. E o que isso tem a ver com troca? Porque você saberá se vale a pena passar no cartão ou no dinheiro, devido os impostos que serão agregados. E também pelo fato de se trocar dinheiro para cartão de débitos fica mais caro do que levá-lo em espécie.

 

 

Curtir isso:

Comments

comments


%d blogueiros gostam disto:

EMBARQUE NESSA VIAGEM!

EMBARQUE NESSA VIAGEM!

Receba os conteúdos e as novidades do blog em primeira mão no seu email e participe de promoções exclusivas!