Paraíso Perdido

Imaginem um complexo de cachoeiras e poços lindo. Esse é o lugar e ele fica em Capitólio, então não deixem de visitá-lo enquanto estiverem por lá.

Vou ser sincera com vocês, sempre que vou em algum lugar, eu busco informações do local antes. Havia lido que havia 07 quedas d’água, 18 piscinas, até no próprio site deles. Só que eu to procurando essa quantia até agora. Tem quedas lindas, têm. Tem poços grandes e gostosos, têm. Mas no dia que fui tive acesso a umas 04 quedas d’água e se tive a 06 poços foi muito.

Me decepcionei um pouco porque fui achando que o complexo seria bem maior, por isso estou tentando ser o máximo realista para não desanimarem, igual a minha pessoa. Só que da mesma forma eu indico muito irem e aproveitarem o local, porque ele é lindo.

 

Como chegar no Paraíso Perdido?

Pessoal é muito simples chegar no local, mas como tudo em Capitólio é bom estar de carro. Ele na verdade está situado depois da cidade de Capitólio, na cidade de São João Batista do Glória, na beira da rodovia MG-050. Quem sai de Capitólio percorrerá quase 01h para chegar no local, ele fica após o Canyon de Furnas.

 

Horário de funcionamento e valores

O local abre diariamente das 08h às 18h e a entrada tem o valor de R$ 40,00 por pessoa.

 

 

 

O Paraíso Perdido

A trilha do local é um pouco diferente e gostosa de ser feita. Praticamente todo o trajeto dela é realizado sob pedras e em muitos momentos pelas águas. Então ir e não se molhar está fora de questão. As pedras molhadas se tornam bem escorregadias, sugiro ir com uma sapatilha de Neoprene ou descalço, mas sempre com muito cuidado para não caírem.

Em muitos locais da trilha há cordas que te auxiliarão no percurso, mas você só as verá em partes mais ingrimes. A trilha não é difícil, na verdade ela é bem fácil e o legal é que você já vai parando e aproveitando os poços e piscinas naturais. Para ajudar os turistas que estão no local eles pintaram “pegadas vermelhas” que te indicam o melhor trajeto para percorrerem. Caso o local esteja muito cheio e você não consiga seguir as pegadas exatas, minha dica é tentar pisar nas pedras mais secas, evitando escorregar.

Logo que chega no local você irá se deparar com o restaurante que começa os seus serviços as 11h30m e a comida é uma delícia. Super indico almoçarem ali, caso prefiram há churrasqueiras no local e é possível passar o dia ali. Seguindo reto você chega na beira do rio. Para sua esquerda estará as cachoeiras e trilhas, para sua direita é a corredeira do rio a baixo. Caminhei um pouco para direita para ver aonde iria chegar, mas o espaço estava delimitado, impedindo a passagem.

Já para a esquerda você inicia a trilha já passando sob pedras. É complicado dizer a duração dela, porque acho impossível você subir direto sem parar para apreciar a beleza natural, tomar um banho, ou pelo menos tirar uma foto. Mas diria que em uns 15, 20 minutinhos você sobe até o poço da última queda.

Todas as quedas e piscinas naturais formadas por elas são impecáveis, mas a minha parte preferida da trilha foi após a última subida que tem um poço extenso e delicioso para se banhar. Nele você consegue admirar de um lado uma cachoeira e do outro você estará no topo da cachoeira e verá um horizonte lindo. Ao seu redor muita mata de flora maravilhosa.

Com certeza vale à pena ir até o Paraíso Perdido e se não forem ficar o dia todo, tentem ao menos ficar meio período ali. Você irá amar muito e se o dia estiver de sol, aí tudo estará perfeito.

 

Curtir isso:

Comments

comments


%d blogueiros gostam disto:

EMBARQUE NESSA VIAGEM!

EMBARQUE NESSA VIAGEM!

Receba os conteúdos e as novidades do blog em primeira mão no seu email e participe de promoções exclusivas!