O que fazer em Santo Antônio do Pinhal

Santo Antônio do Pinhal é um destino do interior de São Paulo que estava em minha lista de desejos, muitos acabam indo somente em sua cidade vizinha que é bem famosa e não exploram esse lugar que é encantador.

A cidade fica pertinho de Campos do Jordão, destino queridinho e super famoso, principalmente no inverno. Mas o que muitos não sabem é que Santo Antônio do Pinhal tem muito a oferecer é um ótimo destino para incluirem em seu roteiro e conhecerem.

Como o local fica na Serra da Mantiqueira, acaba se tornando um destino perfeito para ir no inverno e curtir um friozinho, a cidade é super estruturada para receberem turistas nessa época do ano, com hotéis, pousadas, chalés com lareira, restaurantes com aquecedores, etc.

Mas afinal, o que fazer em Santo Antônio do Pinhal?

 

1. Jardim dos Pinhais Ecco Parque

Uma das suas paradas deve ser o Jardim dos Pinhais Ecco Parque. Um local de 14hectares, sendo 82mil m² de paisagismo que você pode explorar e admirar. Se você é um amante de fotografia, você deve parar nesse lugar, porque ele é muito lindo.

O local é considerado o 1º parque de jardins temáticos do país e ele é composto por um circuito de 1200 metros. Você o percorre a pé e passa por 8 estilos de jardins: desértico, japônes, montanhês, tropical, sensitivo, canadense, italiano e o das bolhas. Lugar perfeito para passar seu dia, vale lembrar que ele conta com um restaurante com vista incrível.

Site oficial: Jardim dos Pinhais

O que fazer em Santo Antônio do Pinhal

 


 

Veja também: Pousada Villa Campestre em Santo Antônio do Pinhal

 


 

2. Estação Ferroviária Eugênio Lefévre

Um local charmoso e que você precisa ir é a Estação Ferroviária Eugênio Lefévre. Ela está localizada na divisa com a cidade de Pindamonhangaba, aliás ela é parada do circuito do trem turístico que liga Pindamonhangaba a Campos do Jordão, todavia o trem quando eu fui não estava operando, devido o COVID-19.

A estação foi construída em 1916 e está a 1162 m de altitude. Seu prédio está super bem conservado e conta com uma cafeteria e lojinhas de artesanatos. Com certeza você irá amar o lugar e vai tirar várias fotos na linha do trem.

 

3. Mirante da Santa / Nossa Senhora da Auxiliadora

Ao lado da Estação Ferroviária Eugênio Lefévre fica o Mirante da Santa ou Mirante da Nossa Senhora da Auxiliadora. Ele está a 1161 m de altitude e tem uma vista maravilhosa da Serra da Mantiqueira. O local é cartão postal da cidade e impressiona a todos. O interessante é que a visita é gratuita, única coisa ruim é que é sem acessibilidade alguma. Para chegar no mirante, precisa subir uma pequena escada de pedras.

 


 

Veja também: Cidades perto de São Paulo para um bate e volta

 


 

4. Praça Boulevard Araucária

Essa praça encantadora é o principal ponto de encontro dos turistas e moradores de Santo Antônio do Pinhal. Ela é muito bem localizada e ao seu redor há diversos restaurantes, bares e lojas. O que deixa o passeio ainda melhor, pois pode apreciá-la e também a região.

 

5. Praça do Artesão

Para mim a Praça do Artesão é a mais charmosa, ela é uma homenagem a colônia japonesa que vive na cidade. Na verdade seu nome é Praça Benedito Marcondes Raposo e ela possui elementos inspirados no japão e sua sociedade, como um tori japônes e uma ponte oriental. O motivo de ser praça do artesão é porque aos finais de semana, ela é tomada por barraquinhas que vendem artesanatos.

 


 

Veja também: Bons restaurantes para ir na Vila Madalena

 


 

6. Igreja de São Benedito

No centro de Santo Antônio do Pinhal fica a Igreja de São Benedito, ela foi construída em 1948 e fica no alto de um morro. De lá, se tem uma vista linda do centro e algo que a deixa muito charmosa é que ao lado de sua escadaria há um relógio de flores.  Ela celebra missas apenas em datas especiais da cidade, ou seja, será difícil vê-la aberta. Portanto você irá admirá-la apenas por fora e seus arredores.

 

7. Igreja Matriz Santo Antônio de Pádua

Diferente da igreja mencionada anteriormente, a Igreja Matriz Santo Antônio de Pádua celebra missas semanalmente e é considerada a principal igreja da cidade. Sem contar que ela tem grande importância histórica, ela inciou como uma capela em 1836 e em 1861 se tornou a primeira igreja da cidade.

Curiosidade: As missas acontecem nas quinta-feiras e sábados às 19h, e aos domingos às 08h, 10h e 19h.

 


 

Veja também: Pontos turísticos em São Paulo para você visitar sem pagar nada!

 


 

8. Pico Agudo

Um local que com certeza você precisa ir em Santo Antônio do Pinhal é o Pico Agudo, mas deixo a dica para ir cedo se forem em feriados e finais de semana. Isso, pois o local começa a lotar, depois você pegará trânsito e talvez deixará o carro muito longe, tendo que fazer uma boa caminhada. Sem contar que aos finais de semana, cobram para estacionar, porém a entrada no pico é gratuita.

Mas o que seria o lugar? O Pico Agudo é um dos pontos mais altos da região (1700 metros de altitude) e com uma das melhores vistas da região. De lá, você consegue ver a Serra da Mantiqueira, algumas cidades vizinhas e a Pedra do Baú. Desse local que as pessoas saltam de asa delta e parapente, para quem tem interesse em saltar na região, saiba que provavelmente será dali.

Dica: se estiver nublado ou com chuva não vá, pois não conseguirá admirar a vista do local.

 

9. Vista Chinesa

Outro local com uma vista privilegiada é a Vista Chinesa. Ela fica entre Santo Antônio do Pinhal e Campos do Jordão. De lá, é possível visualizar o Vale do Paraíba e é um ótimo local para irem no pôr do sol. O legal é que ali, ficam vários food trucks e barraquinhas vendendo souvenirs, com um preço bem legal.

 


 

Veja também: Café Cherie em São Paulo

 


 

10. Cachoeiras e Trilhas em Santo Antônio do Pinhal

Com certeza o ponto forte da cidade é o ecoturismo e na região há muitas cachoeiras. Como quando eu fui, tinha acabado de sair do hospital, foi uma das minhas primeiras viagens após mais de um mês hospitalizada por conta do COVID-19, eu não podia fazer nenhum esforço e tive medo de ir para algum lugar que me deixasse sem fácil acesso da cidade. Com isso eu não fui a nenhuma cachoeira e nenhuma trilha, mas super indico a irem! Aliás, isso se tornou o motivo para eu voltar à cidade, para assim conhecer alguns desses pontos naturais lindos.

Por mais que eu não fiz, vou deixar aqui uma listinha com as cachoeiras e trilhas da região, para aqueles que possuem interesse:

* Cachoeira do Lageado

* Cachoeira do Cassununga

* Cachoeira do Sítio Matão

* Cachoeira Arco-Íris

* Trilha do Matão

* Trilha do Mirante do Cruzeiro

* Trilha do Cambraia

* Trilha do Tropeiro

* Trilha do Zigue Zague

Vista do Mirante da Nossa Senhora Auxiliadora

 

Claro, que além de tudo isso que recomendei nesse post, digo para vocês se deliciarem nos maravilhosos restaurantes da cidade e também passear pelas ruas de Santo Antônio do Pinhal. Ah, e não deixem de comprar souvenirs!

 

Comments

comments

Veja também:

transporte em roma

Transporte em Roma

Antes de ir para algum destino é muito importante saber como funciona o transporte local, porque se for dependendo apenas de uber e táxi podem “gastar um rim”. Então vamos entender como funciona o transporte em Roma?

Leia mais
lago di como

O que preciso saber sobre o Lago di Como

Uma das principais dicas da Itália que eu posso dar à vocês é conhecer o norte da Itália, uma região belíssima e um dos principais pontos que precisam conhecer é o Lago di Como.

Leia mais