Casa de Anne Frank

Escrever esse post já me dói, porque lembro da dor dessa garota incrivelmente corajosa e se você não conhece a história de Anne Frank, vale a pena saber e melhor ainda ir a um museu que conta sobre isso.

Quando fui para Amsterdam não fazia ideia de quem foi Anne Frank, nunca me interessei por essa parte da história que englobava nazistas e judeus. Só que fui até lá com uma grande amiga minha, que detalhe: é judia! Ou seja, com certeza ela queria conhecer esse museu e me fez entender mais sobre esse momento que o mundo passou. Eu agradeço por ela ter me feito ir, não só pela experiência, mas por ter me aberto a mente e aprendido muito.

Então para mim visitar o Museu de Anne Frank me fez sair da minha bolha, me fez entender que há muitas histórias incríveis que precisam ser compartilhadas.


Veja também: Pontos turísticos para visitar em Amsterdam!


Quem foi Anne Frank?

Foi uma garota que escreveu seus relatos em um diário, que ficou conhecido mundialmente. Ela e sua família tiveram que se esconder dos nazistas durante a Segunda Guerra Mundial, mas eles infelizmente acabaram sendo encontrados. Com isso, ela foi morta no campo de concentração de Bergen-Belsen.

 

Como é o Museu?

O museu está localizado na própria casa de Anne Frank, ou seja, no local que ela e sua família se esconderam. Eles ficaram lá dentro cerca de dois anos, sem ver a luz do sol. Portanto há diversos esconderijos pela casa, que você pode ver e até passar. Você pode andar pelos cômodos, praticamente todos sem móveis, isso para associar com o vazio daquela tragédia. Outro fato interessante é que o diário original se encontra lá e você pode ler algumas partes dele que estão em exposição.


Veja também: O que você precisa saber antes de ir para Amsterdam


Informações Importantes

O valor do ingresso é de € 14,00 por pessoa. E indico comprarem o ingresso com antecedência, para evitarem fila. Para isso, entrem nesse site aqui. Lembre-se que o horário de funcionamento do museu é das 09h às 20h de segunda a quinta e de sábado a domingo o encerramento acontece às 22h. E o local só fecha um dia no ano, dia 04/10, que é o Dia do Perdão Judeu.

Dica: Quando chegaram no local ppegue um folheto em português para guiar sua visita, tem essa opção e ajudará bastante.

Curiosidade não muito legal: É proibido tirar fotos dentro do museu!

 

Ir ao Museu de Anne Frank não é um passeio mas uma experiência de imersão impressionante que indico a todos. Caso queira ir já sabendo mais sobre o assunto recomendo a lerem o Diário de Anne Frank, ele já foi traduzido em mais de 70 línguas, incluindo português. Para aqueles que não gostam de ler, tem também a versão em filme que não é tão bom quanto o livro, mas é ótima.

Dica: Não compre o livro no museu, é muito mais caro! Compre aqui no Brasil quando voltarem ou antes de irem.


Veja também: Space cake: o famoso bolo de maconha de Amsterdam


 

Mais Informações:

Casa de Anne Frank

Endereço: Prinsengracht 263-267 – 1016 GV Amsterdam

Site Oficial: Casa de Anne Frank

 


 

Dica para viagem internacional: SEGURO VIAGEM É IMPORTANTE. Então adquira o Seguros Promo com meu código de 5% de desconto (CHAPINHANAMALA5) e não passe apuros se algo acontecer. Além do mais, nunca esperamos o pior, mas é sempre bom estarmos preparados, não é mesmo? E para entenderem qual a necessidade de ter um seguro viagem, entrem aqui.

 


 

Salve esse post no Pinterest!

 

Comments

comments

Veja também:

transporte em roma

Transporte em Roma

Antes de ir para algum destino é muito importante saber como funciona o transporte local, porque se for dependendo apenas de uber e táxi podem “gastar um rim”. Então vamos entender como funciona o transporte em Roma?

Leia mais
lago di como

O que preciso saber sobre o Lago di Como

Uma das principais dicas da Itália que eu posso dar à vocês é conhecer o norte da Itália, uma região belíssima e um dos principais pontos que precisam conhecer é o Lago di Como.

Leia mais